Acesse sua conta
Acessar conta
Publicado em: 07/02/2019

Agenda institucional: Banco Central do Brasil visita Cresol Confederação e Centrais

Compartilhe

Compartilhe

Na quarta-feira, dia 06, a Cresol Confederação
recebeu em Florianópolis/SC, representantes do Departamento de Supervisão de
Cooperativas e de Instituições não Bancárias (DESUC), do Banco Central do
Brasil. Harold Paquete Espínola Filho, Chefe de Departamento, e Rodrigo
Monteiro, Chefe Adjunto de Departamento, também visitaram a
Central Sicoper e a Cresol Central SC/RS na última segunda-feira,  dia 04, em Chapecó/SC. Para um próximo momento,
as visitas devem acontecer na Central Baser em Francisco Beltrão/PR e Ascoob em
Serrinha/BA.

 

Estas atividades fazem parte da agenda
institucional que está sendo realizada pelo Desuc junto as instituições financeiras
cooperativas, com objetivo de acompanhar de perto o crescimento, organização,
planejamentos estratégicos e atuação das mesmas.


Cledir Magri, Presidente da
Confederação, comenta sobre a importância destas reuniões com o Banco Central para
o Sistema Cresol. “
A agenda foi
extremamente positiva, de grande relevância para a Cresol Confederação, poder receber
dois representantes do Desuc, e poder apresentar a evolução do Sistema, os
ganhos desse último período, a evolução de maneira coletiva, ouvir por parte do
Banco Central o reconhecimento do trabalho que vem sendo desenvolvido, isso é
de uma importância gigantesca. Também tivemos a oportunidade de ouvir as
expectativas do Banco em relação ao Cooperativismo de Crédito no Brasil, como a
Cresol se insere dentro desse processo, como nós podemos continuar
desenvolvendo e atuando de maneira sistêmica, coletiva e proativa, seja do
ponto de vista interno entre as Centrais, mas também do ponto de vista externa,
nesse caso com um órgão regulador como o Banco Central. Eu avalio o momento como
sendo de reflexão, de aproximação, de troca de experiências, e acima de tudo, de
poder mostrar nossa evolução e que ainda temos muitos projetos para evoluir
mais ainda, contando com o auxílio do Banco Central”.


Jonas Alberto
Klein, Diretor Administrativo da Confederação, destaca que o reconhecimento do
Banco Central junto ao trabalho e atuação sistêmica que vem sendo desenvolvida
pela Confederação nesse último período, e principalmente os reflexos positivos desses
resultados no cooperativismo brasileiro, demonstra a confiança entre as
instituições. Ainda frisa que o Banco Central visualiza e apoia o espírito de
intercooperação proposto e efetivado pela Cresol por meio de parcerias e
convênios. Também reforça que o formato de governança e ações conduzidas pelos
dirigentes envolvidos tem feito a diferença e tem ganhado a atenção do Banco
Central, finaliza Klein. 

 

Confira mais fotos.