Acesse sua conta
Acessar conta
Publicado em: 27/10/2014

Agricultura Familiar

Cooperativismo Solidário participa de encontro internacional sobre Agricultura Familiar
Agricultura Familiar

Compartilhe

Compartilhe

Para avaliar os avanços do Ano Internacional da Agricultura Familiar (AIAF), a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) realiza entre os dias 27 e 28 de deste mês de outubro, em Roma, o Diálogo Global sobre Agricultura Familiar.

O Cooperativismo Solidário também está presente, tendo como representantes o Presidente da Unicafes Nacional, Luis Possamai, e o assessor institucional, Alcidir Zanco. Além deles, o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), que coordena o Comitê Brasileiro para o AIAF 2014, participa do evento levando as iniciativas nacionais e regionais.

Serão compartilhadas, especialmente, as experiências no âmbito da Reunião Especializada da Agricultura Familiar do Mercosul e da Comunidade de Estados Latino Americanos e Caribenhos.

O evento também irá discutir a continuação das ações de fortalecimento da agricultura familiar em todo o mundo. O ano pode estar entrando na fase final, mas os compromissos assumidos pela FAO e muitas outras organizações continuarão muito além de 2014. O AIAF é apenas o primeiro passo em um processo contínuo de atrair e manter a atenção mundial sobre o significante papel que os pequenos agricultores e agricultores familiares desempenham no mundo, destaca o site da FAO.

Visibilidade

O Ano Internacional já contribuiu para dar mais visibilidade ao setor que, segundo relatório Organização das Nações Unidas (ONU), Estado da Alimentação e da Agricultura, produz 80% dos alimentos consumidos no mundo. Com essa maior visibilidade, houve um avanço na formulação e efetivação de políticas públicas diferenciadas para a agricultura familiar em vários países. Hoje, a agricultura familiar já faz parte da agenda internacional em temas muito relevantes como o comércio, a conservação da biodiversidade, a efetivação do direito humano à alimentação adequada, o combate à pobreza e o desenvolvimento sustentável.

No evento estão autoridades internacionais, representantes de organizações da agricultura familiar e pesquisadores.