Acesse sua conta
Acessar conta
Publicado em: 14/04/2014

Ano Internacional

Agricultura familiar garante alimentos e renda em todo o mundo
Ano Internacional

Compartilhe

Compartilhe

Você sabe o que é agricultura familiar? É a atividade agropecuária desenvolvida em pequenas propriedades, realizada e gerida, predominantemente, pela própria família e que representa principal fonte de renda desta. Mas, ainda que desenvolvida em terras menores, a agricultura familiar tem grande importância para economia e para segurança alimentar em todo o mundo. Por isso, a Organização das Nações Unidas declarou 2014 como o Ano Internacional da Agricultura Familiar.

Alimentos na mesa

Há hoje, em todo o mundo, cerca de três bilhões de pessoas, trabalhando em sistemas familiares de produção. Eles representam mais de um terço da população mundial e produzem cerca de 70% dos alimentos que são consumidos no planeta, que vão desde produtos in natura até aqueles agroindustrializados.

“Como é um modelo de agricultura que trabalha em sistemas diversificados, ela é muito forte na produção de gêneros alimentícios e, por isso, uma das grandes responsáveis pela segurança alimentar em todo o mundo. No Brasil, quando falamos em produtos que estão diariamente na mesa do povo, eles são predominantemente da agricultura familiar”, explica o secretário de Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Valter Bianchini.

Importância econômica

Garantindo emprego para mais de 12 milhões de brasileiros, que representam 74% da mão de obra empregada no campo, a agricultura familiar mobiliza as economias locais. Além disso, o setor responde por 33% do Produto Interno Bruto (PIB) da agropecuária brasileira e 10% do PIB nacional. E tem, inclusive, participação na balança de exportações.

Com políticas públicas para a agricultura familiar, o Brasil é exemplo para outros países. Programas que garantem a produção, comercialização, e acesso a tecnologias, melhoram a capacidade de investimento destes produtores, resultando em crescimento econômico para o País.

Definição

Pela lei brasileira (11.326/2006), o agricultor familiar é aquele que produz em área de até quatro módulos fiscais – que varia entre cinco e 110 hectares, dependendo da localidade –, utilizando predominantemente mão de obra da própria família e cuja principal fonte de renda seja originada de atividades econômicas vinculadas ao próprio estabelecimento. A legislação também abrange silvicultores, aquicultores, quilombolas, extrativistas e pescadores.

Números da agricultura familiar

Emprega mais de três bilhões de trabalhadores em todo o mundo

Mais de 4,3 milhões de estabelecimentos rurais no território nacional

Ocupa mais de 80 milhões de hectares no Brasil

Responde por 33% do Produto Interno Bruto da agropecuária brasileira

Ocupa 74% da mão de obra empregada no campo brasileiro

Em todo o país, destaca-se pela produção de mandioca (88,3%), feijão (68,7%), leite (56,4%), de suínos (51%) e milho (47%).