Produtos

Open
Banking

Com o Open Finance os cooperados poderão usar os seus dados e informações para ter acessos a produtos e serviços personalizados.

O que é o Open Banking e o Open Finance?

Os termos em inglês “Open Banking” e “Open Finance” fazem referência a um “Sistema Financeiro Aberto” que permite o compartilhamento de informações entre instituições financeiras autorizadas pelo Banco Central.

Na prática, o Open Finance é a evolução do Open Banking e nele os cooperados poderão escolher com quais instituições compartilhar seus dados e informações para ter acesso a produtos e serviços personalizados.

O sistema será responsável por colocar as pessoas no centro das decisões,
para escolherem produtos mais adequados ao seu perfil.

Vantagens do Open Banking

Open Banking e Open Finance na Cresol

Na Cresol, o Open Banking e o Open Finance irão gerar novas oportunidadese soluções financeiras para os cooperados, sempre priorizando o relacionamento e os nossos valores de proximidade, ética, credibilidade, simplicidade, cooperativismo e sustentabilidade.

É o cliente que decide quais informações revelar e com quem compartilhá-las.

Dúvidas frequentes

Reunimos algumas das perguntas mais frequentes:

O que é o Open Banking ou Open Finance?

O Open Banking ou Open Finance, é o sistema financeiro aberto, que permite
clareza e liberdade no seu dia a dia. Com ele você poderá compartilhar dados e seu
histórico bancário de forma gratuita por parte de instituições participantes
autorizadas pelo Banco Central do Brasil.

Quais os benefícios do Open Banking?

Com o Open Banking o objetivo é a entrega de produtos e serviços financeiros com
maior assertividade, conveniência e segurança, além de priorizar o consumidor
como o centro das soluções financeiras. Assim, será possível ter maior visibilidade e
controle de sua vida financeira e acesso a soluções financeiras mais vantajosas e
adequadas às suas necessidades e objetivos.

O Open Banking é seguro?

Preservar a segurança em relação aos dados e serviços compartilhados é um dos
principais objetivos do Open Banking. Por isso, as instituições participantes devem
respeitar a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), além de cumprir uma série de
requisitos para garantir a autenticidade, a segurança e o sigilo das informações
compartilhadas.

Quais informações serão compartilhadas?

Serão compartilhadas informações sobre transações bancárias (conta corrente,
poupança, cartões), além de outros produtos e serviços, como seguros, propostas
de crédito, previdência, entre outros produtos.

O que muda para os cooperados Cresol?

A partir da etapa de compartilhamento, os cooperados poderão decidir se querem
ou não dividir suas informações e com quais instituições. Como consequência, terão
acesso a melhores ofertas de produtos e soluções financeiras, permitindo também
um controle e gerenciamento mais claro de suas finanças.

Todas as pessoas participarão automaticamente do Open Banking?

Não. Pessoas físicas e jurídicas só participarão mediante o consentimento do
compartilhamento dos seus dados. Portanto, nenhuma instituição financeira poderá
ter acesso aos dados dos cooperados sem esse consentimento.