Acesse sua conta
Acessar conta
Publicado em: 21/03/2022

Cresol comemora 21 anos em Chapecó

A Cresol completou neste mês de março 21 anos em Chapecó. Para comemorar a data, a cooperativa organizou nesta segunda-feira (21/03) um ato, reunindo sócios fundadores, diretores e ex-diretores, parceiros, além de contar com a apresentação da gaiteira Larissa Dal Piva.
Larissa, Munarini, Genes, Libera e Roseli
Larissa, Munarini, Genes, Libera e Roseli

Compartilhe

Compartilhe

A Cresol completou neste mês de março 21 anos em Chapecó. Para comemorar a data, a cooperativa organizou nesta segunda-feira (21/03) um ato, reunindo sócios fundadores, diretores e ex-diretores, parceiros, além de contar com a apresentação da gaiteira Larissa Dal Piva.

O diretor-presidente, Paulo Munarini, analisou que a evolução da Cresol Chapecó foi significativa nessas duas décadas. “Muitos dos 23 sócios que iniciaram essa cooperativa não imaginavam que em 20 anos cresceríamos tanto. Começamos com um funcionário e hoje são mais de 70, conseguimos fazer muitas parcerias e projetos sociais com as comunidades”, salientou Munarini, garantindo que essa prática continuará. “É nosso propósito auxiliar no desenvolvimento da comunidade, das famílias, contribuir com a qualidade de vida dos associados, bem como garantir que eles tenham acesso à tecnologia e tudo que necessário para suas transações financeiras”, completou. “Visamos ter uma prosperidade ainda maior, mas é importante que os sócios estejam junto com a cooperativa a cada momento”, continuou. Atualmente a Cresol Chapecó conta com mais de sete mil associados.

Cresol de cara nova

Conforme Munarini, a Cresol Chapecó está de cara nova, mas sem perder as raízes. “Cara nova porque implantamos a Diretoria Executiva, passamos por troca de logotipo recentemente e estamos trabalhando com outros públicos. Por isso, a expectativa de crescimento é grande e estamos nos preparando para isso, qualificando cada vez mais nossa equipe. Além disso, finalizamos na semana passada o Planejamento Estratégico para os próximos cinco anos”, comentou o presidente. “É preciso destacar que o nosso diferencial é o nosso atendimento. No meio de tantas agências financeiras que existem em Chapecó, temos que atender bem para que as pessoas queiram voltar”, salientou.

A Cresol Chapecó também preza pela representatividade. Um exemplo disso, são os ex-presidentes – Genes da Fonseca, Libera Sachett e Roseli Tessaro – em que duas mulheres ocuparam o cargo. “Temos um conselho administrativo e fiscal diversificado. As mulheres são incentivadas a ocupar espaços de maior responsabilidade. Isso vamos preservar e continuar possibilitando que as pessoas cresçam aqui dentro”, finalizou Munarini.

A conselheira fiscal, Rosaine Coser, comentou sobre o seu orgulho pela cooperativa. “A Cresol deu dignidade às mulheres. Quantas mulheres trabalham aqui? Quantas presidentas já tivemos? Quantas coordenadoras temos nas unidades? A maioria. E o que a Cresol fez? Deu dignidade, oportunidade de nos aperfeiçoarmos e mostrar que somos capazes, nos valorizou”, comentou. Rosaine é conselheira da Cresol há 10 anos. Deixará a função no próximo dia 24, quando ocorrerá nova eleição durante a assembleia. “Tenho muito orgulho dessa cooperativa. De chegar e ser bem atendida pelas pessoas que estão aqui, vocês não têm ideia do quanto isso faz bem para a gente. Mulherada, olhem para a Cresol”, salientou.